8.10.12

Resenha livro + filme: Para Sempre


Título: Para Sempre (The Vow)       
Autores: Kim Carpenter e Krickitt Carpenter
Páginas: 144
Editora: Novo Conceito
Ano: 2012
Trecho favorito:
Quando a tragédia o atinge, assim como aconteceu conosco, não se isole do mundo. Em vez disso, aproxime-se de seus amigos e família. Aí você saberá o que significa receber; e, como resultado, você saberá como dar ao próximo. página 143

Para Sempre conta a história (verdadeira) do casal Kim e Krickitt, acho que todos vocês já conhecem, então nada do que eu escrever aqui vou considerar spoiler.

Kim é um treinador esportivo e Krickitt é atendente em uma loja de material para esportes. Os dois se conhecem quando ele faz uma ligação para essa loja (a loja fica em uma cidade e ele mora em outra) para fazer uma encomenda e ela atende. Ele se apaixona por ela (ou pela voz dela). Já dá pra saber que essa é uma história boa pra contar pros filhos. A partir daí ele começa a ligar várias vezes pra loja só pra falar com ela, e o assunto principal não é nem mais o que ele havia encomendado.

Eles começam a trocar cartas (não me lembro o ano do ocorrido, mas nessa época não existia internet), passam horas se falando (agora pelo telefone residencial deles) até que decidem enviar a foto um do outro. Ele, como era de se esperar, se apaixonou mais ainda pela mulher que viu. Resolveram se encontrar. E mais uma vez. E mais outra vez. Depois de alguns encontros, eles começam a namorar e pouco tempo depois decidem se casar.

Tudo ia perfeitamente bem, até que um dia eles estavam viajando de carro para a cidade dos pais dela para passar o feriado de Ação de Graças e sofreram um grave acidente. Krickitt foi a que teve mais sequelas (ficou à beira da morte, em coma por muito tempo) e podemos perceber no livro todo o amor e preocupação de Kim com sua esposa. Ele ficou do lado dela quase que 24 horas por dia. Até que houve um milagre (acredita ela, por ser muito cristã e devota) e ela acordou, o único problema é que ela não se lembrava de Kim. E nem de que tinha casado com ele.

A partir daí Kim narra (o livro é narrado por ele) toda a sua luta para recuperar sua esposa. E não é nada fácil o que ele está passando. Ele não desiste dela em nenhum momento. Além da sua falta de memória, ela também ficou um pouco "desequilibrada" mentalmente (mudava de humor muito rápido, e às vezes até a sua idade mental). Mas Kim não desistiu e foi em frente, lutou, até fazer ela se apaixonar de novo por ele. Sim, se apaixonar de novo. Eles também se casaram de novo. Foi a ideia que ele teve "já que eu não consigo fazer com que ela se lembre de nós dois, vou fazer com que comecemos do zero".

A história é lindíssima e o livro te prende da primeira até a última página. Algumas pessoas me disseram que choraram com o livro, mas isso não aconteceu comigo... Acho que é porque sou um pouco coração de pedra rs O livro é narrado em primeira pessoa por Kim e a escrita é fácil. Na capa do livro estão os atores que interpretaram eles dois no filme. Recomendo o livro para aquelas garotas que se emocionam com um "final feliz e felizes para sempre".

O filme


Bem, quem lê um livro e depois vai ver o filme fica dando aloka porque alguns fatos não condizem nem um pouco com o livro. Vou falar sobre do que se trata o filme.

- O filme se passa nos dias atuais e conta a história de Leo e Paige, ele trabalha em uma gravadora e ela desistiu da faculdade de Direito para ser artista.
- Não consegui identificar ao certo o local onde se conheceram.
- São adicionados novos personagens e novos fatos.
- Eles começam a morar juntos e depois se casam. O acidente de carro ocorre, porém, diferente do livro, eles não estão viajando, eles estão com o carro parado e um caminhão bate na traseira deles.
- Ela não tem contato com os pais desde que desistiu da faculdade e os pais dela passam a conhecer Leo depois do acidente e eles parecem não gostar nem um pouco dele...
- Ela fica em grave estado de saúde, mas no filme ela se recupera logo. Ela perde a memória, mas Leo faz de tudo para que eles fiquem juntos.
- Ela reencontra o ex-noivo da época da faculdade e ainda gosta dele, teve até uma cena em que eles se beijam.
- Ah, ela tem uma tatuagem nas costas rs
- Leo pede o divórcio e Paige aceita de boa.
- Eles se divorciam e Paige descobre que o pai dela traiu a mãe com uma de suas amigas.
- Paige resolve voltar pra Leo.

Pois é, o filme é beeeeem diferente do livro, posso até considerar como duas histórias diferentes. Mas é muito bom.




10 Comentários:

Carolina disse...

Nossa, não sabia que o filme era tão diferente do livro O:
O filme é mesmo uma graça, bem emocionante e com ótimos atores.

Beijo
http://sunriseshere.com

Tacy Barbosa - Radar Mexeriqueiro disse...

Nem li o que você falou do filme. quando terminei de ler o que vc escreveu sobre o livro corri para a livraria. Sim, fiz isso mesmo. Estou lendo este livro e do filme só quero saber depois. rsrsrs. Que história linda? Não se faz mais homens como antigamente. lógico, que eu dispenso toda esta tragédia, mas fico com o Kim. rsrsrs Beijos
http://radarmexeriqueiro.blogspot.com.br/

Grande Coragem disse...

Eu sempre esqueço se ja assisti um filme ou se ja li um livro, mas sinto que ja assisti esse filme.. não sei :s Mas meu pressentimento diz que ele é ótimo!! E dizem que o livro é BEM melhor e bem mais detalhado.. Eu gosto assim :33

Gosto muito daqui Bia!!
Beijos lindja :)

Wendyel disse...

Eu só assisti o filme, e adorei a história. Não sabia que era diferente do livro, mas isso quase sempre acontece com filmes baseados em livros.
Já estou há um tempo para ler esse, porém estou dando prioridade as leituras obrigatórias da UFRGS.


@wendyelmb
http://tecido-doce.blogspot.com/
http://cerejadeneve.com/

Gabriela Orlandin disse...

Oi!
Esse livro é lindo. Teve muita gente que não gostou, mas eu acredito que é porque eles queriam uma história arrebatadora, e não é. É apenas uma história real de superação e de amor, acima de qualquer obstáculo. Eu adorei e me emocionei com a história.
Sobre o filme: eu assisti e adorei! Achei que as mudanças foram boas, porque eles pegaram a história original e BASEARAM-SE nelas, mudando quase todos os outros aspectos. Apesar de não gostar muito disso, achei que o filme ficou bem mais interessante com as mudanças :)
Beijos.

Beatriz Medeiros disse...

Pois é bem diferente sim hehe Também achei o filme bem emocionante :')
Beijão!

Beatriz Medeiros disse...

Sério? hahaha Nossa, bom saber que minhas resenhas causam "efeitos" nos leitores. Eu acho melhor primeiro ler o livro pra depois ver o filme, porque se for o contrário, quando for ler o livro você vai ficar pensando "mas calma aí, o nome dele não era Kim?" hahaha Não se faz mais homens como antigamente, para infelicidade das mulheres :/
Beijão!

Beatriz Medeiros disse...

Considero o livro melhor por ele ser mais rico em detalhes sobre a vida deles dois, diferente do filme que mostra mais os fatos do dia-a-dia.

Obrigada pelo carinho <3
Beijão!

Beatriz Medeiros disse...

Quase todo mundo se espanta quando digo que o filme não tem nada a ver com o livro hehe É bom mesmo dar prioridade das coisas do nosso futuro, boa leitura!

Beijão!

Beatriz Medeiros disse...

Também achei o livro lindo, e conheço pessoas que diziam que a história era linda, perfeita, mesmo antes de ter lido e decepcionaram-se porque estavam esperando algo arrebatador, como você disse. Eu também gostei muito do filme, mas pensei que fosse ser mais parecido com o livro, mudaram até os nomes dos protagonistas :~
Beijão!

Postar um comentário

 
mundo de Florence ©Template por 187 tons de frio. Resources:falermpiard e magg.